terça-feira, abril 19, 2005

Let go

Perdi o hábito. Outras guerras me foram tomando. Os dias passam sem que me apeteça dizer algo. Parece que me apago, que me afasto. Parece que o que originou e o que foi este blogue perderam a razão. A nódoa esbate-se e eu esbracejo, como que tentando conservá-la. Mas ocorre-me que de nada valerá esbracejar. Se ela se esbate talvez seja porque deixou de fazer sentido. Porque já não interessa. Outras virão, porventura mais iluminadas ou menos sujas que esta. E se ou quando tal acontecer, só me poderei alegrar...

3 Comments:

Blogger Pedro F. Ferreira said...

Então? Que é isso? Desistir? Nem pense.

12:31 da manhã  
Blogger JAM said...

Não é fácil manter um blogue todos os dias. Sobretudo sem Santana Lopes. Mas, por pequena que seja a comunidade que juntámos, há sempre uma réstia de convívio que, de outro modo, nunca existiria. Transforma-se numa espécie de vida secreta que vale a pena cultivar.

É bastante curioso porque eu juro que não tinha visto este post antes de escrever isto :
http://briteiros.blogspot.com/2005/04/janela-indiscreta.html

Fico à espera!...

11:11 da manhã  
Blogger Rita said...

(comentário recuperado)

Mário,

Por favor, matas-me do coração!

Olha, eu também já estive um mês sem escrever e depois não foi fácil recomeçar.

E também me questiono muitas vezes sobre o sentido do meu blog...

Claro que devemos e temos que respeitar qualquer decisão tua, mas posso fazer um pedido?

8:54 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home